Eumar Novacki pede exoneração do comando da Casa Civil do DF. José Humberto cotado para o cargo

Eumar Novacki. Foto: Reprodução

Por Redação

O secretário-chefe da Casa Civil do DF, Eumar Novacki deixará o comando da Casa Civil do DF. Ele entregou o cargo ao governador Ibaneis Rocha (MDB) em conversa na manhã desta segunda-feira (13/5). O emedebista tentou convencer Novacki a permanecer no posto.

O secretário de Justiça do Distrito Federal, Gustavo Rocha, assumirá interinamente a Casa Civil, até a escolha definitiva do secretário. Um dos nomes que está sendo cogitado para assumir a vaga de Novacki, é a do ex-secretário do governo Arruda, José Humberto Pires, mais conhecido no mundo político como “Pezão”.

O pedido de demissão de Novacki ocorre no mesmo dia em que a responsabilidade de publicar o Diário Oficial foi retirada da Casa Civil. A medida foi oficializada em decreto que transfere a Subsecretaria de Atos Oficiais para o Gabinete do Governador. A tarefa era uma das principais atribuições da pasta. O texto, com a mudança, foi publicado no próprio Diário Oficial desta segunda (13).

Segundo fontes do Palácio do Buriti, Novacki teria recebido propostas para assumir um posto no Governo Federal.  Antes da Casa Civil do DF, ele foi secretário-executivo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Da Redação do Agenda Capital e CB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here