Ex-distrital Washington Mesquita assume Subsecretaria de Políticas para Idoso

Mesquita é suplente de deputado distrital pelo PTB, e é ligado a igreja católica

Por Redação

A Secretaria de Justiça e Cidadania do Distrito Federal (Sejus-DF) ganhou uma nova estrutura já publicada no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF). Com ela, foi criada a Subsecretaria de Políticas para Idoso. Assumiu o cargo o ex-deputado distrital, Washington Mesquita (PTB).

Segundo o subsecretário, os idosos do DF ficaram um bom tempo sem amparo legal, sem um setor que pudesse se dedicar à construção de políticas públicas para a área. Lembrou que a população idosa vem crescendo de forma significativa e que o governador Ibaneis Rocha reconhece a importância da estrutura para apoio a estas pessoas.

Washington Mesquita informou que visitará nos próximos dias todos os equipamentos do GDF que atendem à população idosa, como o Telecentro, criado recentemente na Ceilândia pela Sejus, através da Subsecretaria de Direitos Humanos.

O novo subsecretário definiu como prioridade de ação na sua gestão o fortalecimento dos Centros de Convivência para Idosos no DF que, avalia, precisam ser referência para eles resolverem suas demandas. “Vamos fazer uma avaliação da situação para definirmos nossa atuação”, anunciou.

Incentivo

Ele manifestou ainda interesse em atuar junto a empresas do DF para uma parceria, com incentivo fiscal para aquelas que empregarem pessoas idosas. Segundo Washington, é importante que essas pessoas possam continuar contribuindo com a sociedade a partir de suas experiências adquiridas ao longo da vida.  “Pessoas qualificadas não querem ficar em casa, querem trabalho porque trabalho vai lhe proporcionar qualidade de vida”, analisou.

Ele também espera contar com a boa vontade dos governos do DF e federal para a criação do Hospital do Idoso e da Faculdade do idoso, além de uma delegacia voltada à pessoa idosa.

Mesquita foi deputado distrital de 2011 a 2014. Atuou na última eleição como parceiro do então candidato ao governo do DF, Ibaneis Rocha, junto à comunidade católica.

Da Redação com informações da Sejus

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here