Ministério da Saúde doa medicamentos para o tratamento do vírus HINI à Honduras

Representantes do governo de Honduras e do Brasil. Foto: Reprodução

O país passou por uma Pandemia de gripe A – HINI em 2009 e 2010

Por Redação

A influenza é uma infecção respiratória aguda, causada pelos vírus A e B. O vírus A está associado a epidemias e pandemias. É um vírus de comportamento sazonal e tem aumento no número de casos entre as estações climáticas mais frias, podendo haver anos com menor ou maior circulação do vírus. Habitualmente em cada ano circula mais de um tipo de influenza concomitantemente (exemplo: influenza A (H1N1) pdm09, influenza A (H3N2) e influenza B).

Em iniciativa integrada dos ministérios da Saúde e Relações Exteriores, coordenada pela Agência Brasileira de Cooperação (ABC/MRE), o governo brasileiro, por intermédio do Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos (DAF/SCTIE/MS), doou medicamentos para atendimento à população de Honduras para o tratamento do vírus da influenza H1N1. Cerca de 470 doses de Oseltamivir (Tamiflu) beneficiarão pacientes adultos e pediátricos.

No último dia 6 de junho, no aeroporto de Tegucigalpa, realizou-se a cerimônia de entrega dos medicamentos doados pelo governo brasileiro à Honduras onde o ministro Octavio Sánchez, ressaltou a oportunidade da doação em momento crítico de incidência da gripe H1NI1 no país, expressando o sincero agradecimento do governo hondurenho às autoridades brasileiras, em particular ao ministro Gilberto Occhi.

A doação foi apoiada pela OPAS OMS Brasil – PAHO WHO Brazil, que instou as autoridades hondurenhas a continuarem com o dia da vacinação, assim como que a população continue a tomar medidas preventivas para evitar a infecção.

Os donativos foram enviados em caráter de cooperação humanitária que tem por objetivo apoiar outros países em situação de necessidade emergencial. É importante salientar que as ações de cooperação humanitária, é uma oportunidade de atender outros países sem prejuízo a população.

Da Redação com informações da Assessoria / Renata Barros

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here