Ibaneis anuncia a realização de 508 cirurgias no Hospital da Criança

O governador Ibaneis Rocha visitou na sexta-feira, 1/02, o Hospital da Criança de Brasília (HCB), e anunciou que até o fim de fevereiro a unidade de saúde vai realizar 508 cirurgias pediátricas. Fotos: Renato Alves / Agência Brasília.

Procedimentos ocorrerão, em fevereiro, pelo SOS DF Saúde, e diminuirão fila que tinha 862 crianças e adolescentes

Por Redação

O governador Ibaneis Rocha participou, na manhã desta sexta-feira (1), do lançamento da ação promovida pelo Hospital da Criança de Brasília (HCB), que vai realizar, durante este mês, 508 cirurgias pediátricas em crianças e adolescentes de até 18 anos do Distrito Federal e Região Metropolitana. Com a iniciativa, o Hospital da Criança entra no SOS DF Saúde, que já fez 5.203 operações nos hospitais da rede pública de saúde.

“Queremos desafogar as filas para melhorar o atendimento à população. Tínhamos 862 cirurgias que estavam na fila e agora em fevereiro, vamos fazer 508 cirurgias. Estou encantado com a maneira como as crianças são tratadas aqui no Hospital da Criança. Vou apoiar e ampliar essa iniciativa”, afirmou o governador, para a diretoria do hospital e as famílias.

De acordo com Ibaneis, todo o custo com as cirurgias está sendo bancado pela Secretaria de Saúde. “Melhorando a saúde do DF, vamos trazer economia. Quanto maior a demora com o paciente, maior o custo com a saúde. Temos que efetivar os tratamentos de modo a devolver as famílias para suas casas. O objetivo é gastar agora para economizar mais adiante”, explicou.

O governador Ibaneis Rocha e o secretário de saúde Osnei Okumoto, visitaram nesta sexta-feira, 1/02, o Hospital da Criança de Brasília (HCB), e anunciou que até o fim de fevereiro a unidade de saúde vai realizar 508 cirurgias pediátricas. Fotos: Renato Alves / Agência Brasília.

Entre os 508 procedimentos cirúrgicos previstos estão 420 cirurgias diversas, como correção de hérnias e fimose, além de 20 cirurgias urológicas (aparelho urinário), 16 neurocirurgias, oito cirurgias oncológicas, 16 cirurgias torácicas, 28 cirurgias dermatológicas.

“A determinação é trazer saúde para as famílias, custe o que custar. Não vou medir esforços para devolver saúde às famílias. O governo é para quem precisa de atendimento. Nossa função é facilitar a vida daqueles que querem trabalhar para a população, justamente o que vejo neste hospital. As 508 cirurgias ofertadas pelo SOS DF Saúde, neste mês, são um afago no meu coração e me convencem de que estamos no caminho certo. É dessa maneira que quero tocar a saúde no DF, com empenho e dedicação, rumo a uma saúde de qualidade”, enfatizou.

O governador Ibaneis Rocha visitou na sexta-feira, 1/02, o Hospital da Criança de Brasília (HCB), e anunciou que até o fim de fevereiro a unidade de saúde vai realizar 508 cirurgias pediátricas. Fotos: Renato Alves / Agência Brasília.

Cirurgias

Os pacientes foram encaminhados ao Hospital da Criança pela Central de Regulação da Secretaria de Saúde do DF. Eles já foram avaliados por cirurgiões pediátricos em consulta ambulatorial no HCB. O grupo que será operado foi classificado por níveis de prioridade, que consideram a urgência para a realização do procedimento. A mobilização respeitará essa ordem de priorização.
As cirurgias serão realizadas de segunda a sábado. Para acelerar o preparo da sala cirúrgica, entre um procedimento e outro, serão destacadas equipes exclusivas de montagem e limpeza de salas. O HCB está estruturando, ainda, uma equipe assistencial dedicada para a admissão das crianças com conferência prévia de documentação exigida para a cirurgia, como exames e termos de consentimento, conferência de tempo de jejum, auxílio na troca de roupas e retirada de adornos.

Hospital do Câncer

O governador também falou a respeito do futuro Hospital do Câncer do Distrito Federal. “Também vamos ampliar o atendimento em outras áreas. Já temos recursos para construir o Hospital do Câncer do Distrito Federal. E, ainda, vamos fazer o Bloco 12, com o Hospital de Doenças Raras, que será aqui, numa área mais central e de fácil locomoção. Por meio da Abrace, de doações e com apoio da sociedade civil, vamos recuperar a saúde das famílias do DF”, enfatizou o governador.

De acordo com Ibaneis, em relação ao Hospital do Câncer do DF faltam apenas os projetos executivos. “O GDF contratou 20 profissionais de engenharia e arquitetura para concluir e entregar o projeto, no prazo de 30 dias. Depois, faremos a licitação e pretendemos iniciar a obra nos próximos três meses. O dinheiro está alocado, virá da Caixa Econômica Federal. O custo será de R$ 150 milhões”, disse Ibaneis.

Da Redação com informações da Ag. Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here