Senador Reguffe (sem partido). Foto: Reprodução

Por Coluna Eixo Capital

Sem partido há três anos e quatro meses, o senador José Antônio Reguffe (DF) está procurando uma legenda para se filiar, mas não está fácil. O problema não é a falta de portas abertas e, sim, as regras impostas por Reguffe para assumir um compromisso com alguma sigla.

Ele busca um partido de centro, mas que seja democrático e não fisiológico, não do Centrão. Um partido que seja independente e não tenha cargos nem no governo federal nem no local. E mais: “Procuro um partido que me dê liberdade para me manter independente e poder continuar representando com dignidade quem votou em mim”.

Ou seja, ele não quer ser obrigado a seguir uma posição fechada com a qual não concorde e vá na contramão dos seus compromissos com o eleitor. Qual se enquadra?

Nota do Editor-Chefe do Agenda Capital

De acordo com bastidores que o Agenda Capital teve acesso, um dos partidos que o senador está negociando o seu ingresso, seria o PODEMOS do senador Álvaro Dias e da deputada federal Renata Abreu. No DF, o partido tem um representante na Câmara Legislativa, o deputado distrital Jorge Vianna. Outro partido que o nobre senador está em conversas, seria o NOVO.

Da Redação com informações do CB e Agenda Capital 

Delmo Menezes
Gestor público, jornalista, secretário executivo, teólogo e especialista em relações institucionais. Observador atento da política local e nacional, com experiência e participação política.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here